Cepel firma contrato para construção de nova Casa Inteligente

Com objetivo de construir uma nova Casa Inteligente, o Cepel firmou um contrato com a Coppetec/UFRJ) para elaboração do projeto da edificação, a cargo da Faculdade de Urbanismo e Arquitetura da UFRJ.

O diretor-geral do Cepel, Marcio Szetchman, destacou a importância de ter um Centro de Demonstração atualizado nas áreas de eficiência energética e fontes renováveis no Brasil. Uma vez obtidos os recursos financeiros para levar adiante o projeto, a proposta é construir uma nova Casa Inteligente para substituir a antiga, que, “por anos, foi uma referência em termos de uso eficiente e racional de energia no país”.

A antiga Casa Solar Eficiente do Cepel foi inaugurada em julho de 1997, um marco à época por ser a primeira no país com a finalidade de demonstrar tecnologias de geração renovável e eficiência energética. Em duas décadas de operação, o espaço recebeu 20 mil visitantes, contribuindo para a realização de pesquisas, divulgação de eventos e artigos técnicos, formação de profissionais e conscientização de consumidores. Segundo o Centro, a necessidade de uma nova casa se justifica em função da enorme evolução nos conceitos de sustentabilidade e uso inteligente da energia.

Conceito NZEB

O projeto da nova “Casa Inteligente Cepel” será concebido segundo o conceito NZEB (Near Zero Energy Building), com soluções de arquitetura bioclimática e sustentável. A ideia é que o novo espaço tenha os sistemas de iluminação e climatização automatizados, seja autossustentável em termos de água, com medição de variáveis elétricas, mecânicas, térmicas e climáticas, permitindo o monitoramento e o benchmarking das instalações.

Para George Alves Soares, assessor da Diretoria Geral do Cepe, além dos benefícios relacionados à demonstração de tecnologias de equipamentos eficientes e de geração distribuída e à disseminação de conceitos na área de fontes renováveis, eficiência energética, papéis do novo consumidor de energia elétrica e cidade inteligente (Smart City), a Casa Inteligente Cepel, “uma vez viabilizada, poderá servir de cartão de visita, reforçando a imagem do Centro como promotor e desenvolvedor de tecnologias de ponta”, destacou.

O contrato firmado com a Coppetec abrange estudos e projetos de arquitetura, estrutura e instalações, a serem executados num prazo de 240 dias. A casa também deverá ter seu projeto certificado pelo sistema de etiquetagem do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e estar apta a receber o Selo Procel de Edificações.

Viabilizado o projeto, o próximo passo é a captação de recursos externos para a construção da nova Casa, no que o Cepel já vem se empenhando.



Outras notícias


E-book Prédio Eficiente

A AURESIDE que promove o projeto Predio Efici...

Saiba Mais


Sustentabilidade em Condominios

Autora: Luciana M. Graiche
Artigo publicado no "O Estado de São Paulo" edição ...

Saiba Mais

Realização:



Parceria:



© Copyright 2019 Prédio Eficiente